A ENGIE anunciou as 28 mulheres vencedoras do edital do projeto Mulheres do Nosso Bairro, que consiste em uma rede de iniciativas para impulsionar ações de geração de renda e empregos nos municípios de atuação direta da Companhia.

Criado para selecionar e apoiar empreendimentos e iniciativas de lideranças femininas com recursos financeiros, o edital foi lançado em mais de 100 municípios do Brasil, incluindo Florianópolis (sede da empresa) e região metropolitana. Foram recebidas 275 propostas de 43 municípios espalhados por 13 estados do País, das quais 206 elegíveis a concorrer aos prêmios. As 28 iniciativas vencedoras, vindas de 23 cidades de 10 estados, irão receber os valores de R$ 5 mil, R$ 10 mil ou R$ 20 mil, de acordo com o escopo do projeto. Ao todo, o valor investido pela ENGIE para auxiliar as vencedoras do edital vai atingir R$ 500 mil. Além das 25 iniciativas previstas inicialmente, a comissão avaliadora decidiu conceder outros três prêmios especiais.

“A ENGIE entende que é preciso dar suporte às mulheres com projetos de médio e longo prazo. Tanto é que as iniciativas do projeto estão previstas para prosseguir após o término da pandemia. É mais uma ação que reforça o engajamento social da Companhia e demostra que estamos unidos com nossos colaboradores, as comunidades vizinhas e toda a sociedade para enfrentar esse momento difícil que o país está vivendo”, comenta a coordenadora de Responsabilidade Social Corporativa da ENGIE Brasil Energia, Luciane Pedro.

Para a escolha das vencedoras do edital, foram levados em conta aspectos como o impacto do empreendimento na renda familiar e na comunidade e a geração de novos postos de trabalho. A avaliação das propostas finalistas, após a análise criteriosa das comissões regionais, foi realizada pelos membros do Fórum de Sustentabilidade da ENGIE Brasil Energia, composto por 11 profissionais da empresa de diversas áreas, além da gerência da área de Meio Ambiente e Responsabilidade Social.

A análise contou também com a ajuda de quatro convidados externos, especialistas em empreendedorismo social, empoderamento feminino e igualdade de gêneros: Fernanda Bornhausen, cofundadora e presidente voluntária do Social Good Brasil, Marina Barbieri, Coordenadora Estadual do Programa Sebrae Delas, Evandro Badin, diretor executivo da Junior Achievement de Santa Catarina, e Gabriela Coral, líder estadual (Santa Catarina) no movimento nacional Justiça de Saia, criado para coibir a violência doméstica no âmbito da Lei Maria da Penha.

No 10 de dezembro será realizada uma Live com a presença das 28 mulheres vencedoras, além de convidados externos. O endereço do evento online será informado na próxima semana na página do YouTube e no site do projeto Mulheres do Nosso Bairro.

Conheça os 28 projetos vencedores: 

 

Meu Baldinho – Tubarão (SC)

Macra Meu – Capivari de Baixo (SC)

Abayomi: Quilomba em Ação – Guarapuava (PR)

Ray Laços – Paraupebas (PA)

Ampliação e Estruturação de uma Oficina Coletiva de Artesanato em Lã – Hulha Negra (RS)

Padaria Perseverança – Candiota (RS)

Cozinha em Ação – Sacramento (RS)

Mulheres em Ação – Assú (RN)

Cozinha Solidária – Umburanas (BA)

Grupo Mulheres do Semiárido – Umburanas (BA)

Costurando Esperança – Trairi (CE)

Tecnologia na Terapia Capilar – Quedas do Iguaçu (PR)

Nutriávida – Inovação com Sucesso no Ramo da Alimentação – Saudade do Iguaçu (PR)

Viveiro Agroflorestal Sustentável – Palmeirópolis (TO)

Coopraçu – Minaçu (GO)

Adoçando a Vida – Mariano Moro (RS)

Mel Bergamaschi – Itá (RS)

Morangos da Fofa – Mariano Moro (RS)

Reduzir X Reaproveitar X Renda – Mariano Moro (RS)

Dom Rosário’s Pizza – Barracão (RS)

Projeto Mão na Massa – Zortéa (RS)

Minha Fábrica, Minha Vida – Entre Rios do Sul (RS)

Artes da Ana – Lages (SC)

Impulso! Digital – Florianópolis (SC)

Saúde Mental, Feminilidades e Economia Solidária – Florianópolis (SC)

Para detalhes sobre os projetos vencedores e mais informações sobre o Mulheres do Nosso Bairro, acesse https://mulheresdonossobairro.com.br/

Empoderamento das mulheres

O Mulheres do Nosso Bairro representa um reforço à adesão da ENGIE aos Princípios de Empoderamento das Mulheres” (WEPs, sigla em inglês de Women’s Empowerment Principles), uma iniciativa da ONU Mulheres, ocorrida em setembro de 2019. Com investimento em torno de R$ 1,5 milhão entre 2020 e 2021, o projeto prevê impactar 20 mil mulheres de forma direta e 60 mil pessoas indiretamente, contribuindo para o Objetivo 5 dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODSs), da ONU, que consiste em alcançar a igualdade de gênero e empoderar todas as mulheres e meninas.

“A ENGIE assumiu o compromisso de incentivar a promoção da igualdade de gênero, a começar pelo aumento do número de mulheres em cargos de liderança. Apoiar o projeto Mulheres do Nosso Bairro enfatiza também o nosso compromisso externo de empoderamento das mulheres. As iniciativas selecionadas favorecem o desenvolvimento de pessoas e contribuem ainda mais para o relacionamento próximo que mantemos nas comunidades vizinhas aos nossos empreendimentos”, destaca Eduardo Sattamini, diretor-presidente e de Relacionamento com Investidores da ENGIE Brasil Energia.

Você está visualizando

Categoria

de

Período